HOME > Esportes > Pentatlo Moderno > Brasil conquista oito medalhas no Sul-americano de Pentatlo Moderno, na Bolívia
Brasil conquista oito medalhas no Sul-americano de Pentatlo Moderno, na Bolívia

Brasil conquista 17 medalhas no Pan-americano e Sul-americano de Pentatlo Moderno (CBPM)

A Seleção Brasileira de Pentatlo Moderno terminou 2017 com excelentes resultados no Campeonato Sul-Americano da modalidade, que terminou no domingo (17/12), em Cochabamba, na Bolívia. No total, os pentatletas brasileiros conquistaram oito medalhas. As provas serviram de evento-teste da modalidade para os Jogos Sul-Americanos de 2018, que também acontecerão na cidade boliviana.

As primeiras medalhas do Brasil vieram no primeiro dia de disputas, na sexta (15/12), no evento feminino. Na disputa individual, que reuniu 16 atletas de cinco países, Priscila Oliveira, 29, conquistou o bronze depois de somar 1.153 pontos. A Argentina fez dobradinha no pódio com Iryna Khokhlova ficando com o ouro (1.206) e Ayelen Zapata com a prata (1.187).

O Brasil ainda teve outras duas atletas no primeiro dia: Bianca Cavalcanti, 22, que ficou em quarto com 1.126 pontos, e Isabela Abreu, 22, sexta colocada (1.090). As duas mais a Priscila Oliveira conquistaram a prata na disputa por equipes. O ouro de então foi para a Argentina e o bronze para a Bolívia.

Ainda na sexta, Priscila ganhou mais uma medalha, outro bronze individual. Desta vez pelo Sul-Americano Militar, que aconteceu paralelamente à disputa civil. O pódio foi o mesmo do anterior, com o ouro e a prata indo para as argentinas Iryna Khokhlova e Ayelen Zapata, respectivamente.

Disputa masculina

No sábado, 16, foi a vez dos homens. Estiveram presentes 29 atletas de seis países. No evento individual, o carioca Danilo Fagundes, 29, foi prata após somar 1.352 pontos. O ouro ficou com o chileno Esteban Bustos (1.375) e a prata com o argentino Emanuel Zapata (1.333).

O Brasil ainda teve outros quatro representantes no evento entre os homens: William Muinhos, 24, que ficou em 10º com 1.268 pontos, Felipe Nascimento, 24, o 12º (1.235), Victor Aguiar, 20, o 14º (1.222) e Gabriel Sasaqui, 21, o 15º (1.180).

No evento masculino por equipes, Danilo Fagundes, Felipe Nascimento e William Muinhos conquistaram a prata. O ouro foi para a Argentina e o bronze para o Chile.

MEDALHAS BRASILEIRAS NO SULA DE COCHABAMBA

Ouro no revezamento misto: Priscila Oliveira e William Muinhos
Ouro no revezamento misto militar: Priscila Oliveira e William Muinhos
Prata individual masculina: Danilo Fagundes
Prata por equipes feminina: Bianca Cavalcanti, Isabela Abreu e Priscila Oliveira
Prata por equipes masculina: Danilo Fagundes, Felipe Nascimento e William Muinhos
Bronze individual feminino: Priscila Oliveira
Bronze individual feminino militar: Priscila Oliveira
Bronze no revezamento misto militar: Bianca Cavalcanti e Felipe Nascimento

Fonte: CBPM

Deixe o seu comentário!

TagsBrasil, medalha, Pentatlo Moderno, Tóquio 2020,

Copyright © 2012-2018 NBCom Comunicação. Todos os direitos reservados.

Realização